Loading...

Translate

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Boa sorte

Gostaria de fazer uma poesia
Contudo, não tenho o que dizer
Os sentimentos que por você nutria
vinheram, com o descaso, perecer

Também não vou lhe contar detalhes
do que na verdade nunca foi merecedor
Depois de ter me confessado com teus olhares
tratou meu amor declarado como invasor

Meu amor é por demais valioso
Irá ter que pelo mundo um igual garimpar
porque para você,  homem vaidoso
Só tenho boa sorte a desejar.

J.Mendes


2 comentários: