Loading...

Translate

sábado, 28 de dezembro de 2013

E na solidão dos muros internos...

Só Deus sabe.
A morte...
Tão precisa!
No em tando, sem hora marcada...
Já se me faz ansiada.
Passem horas..
Que não sejam por mim abençoada!
Em torpes torturantes demora..
...Corra e não te arraste em encontro a minha amada!
J.Mendes

Nenhum comentário:

Postar um comentário